Ritos de passagem

Os ritos de passagem marcam as fases de nossa vida. São essenciais para nossa compreensão da passagem do tempo e principalmente para nosso autoconhecimento. Alguns dos  ritos de passagem mais importantes e mais marcantes dentro da tradição celta são: o  Casamento, a Bênção do Bebê, a Bênção da Nova Casa, ritos de maturidade (menopausa e andropausa), ritos funerários, etc.

Os Druidas da  Ordem Druídica Drunemeton, braço sacerdotal da Escola Gergóvia,  celebram  esses ritos  de passagem da pessoa que deseja receber os ritos.

A BÊNÇÃO DO BEBÊ

A Bênção do Bebê difere do batismo cristão e de ritos de outras religiões. Na tradição céltica, a Bênção do Bebê não vincula a criança à religião, nem representa qualquer tipo de aliança feita pelos pais com alguma divindade em nome da criança. A Bênção do Bebê é simplesmente uma bênção de proteção, saúde e sucesso generosamente ofertada à criança pelos Antigos Deuses, e transmitida pelo sacerdote oficiante.

Qualquer criança pode recebê-la, em qualquer idade, independentemente da religião que a criança vá seguir em sua futura vida adulta.

CASAMENTO

A pedido dos noivos, podemos realizar  o ritual religioso do casamento. Se o casamento for realizado fora do RJ, solicitamos  aos noivos que arquem com as despesas de  passagem  e  acomodação do(s) oficiante(s).

O rito religioso conterá elementos da cultura celta.  Detalhes cerimoniais estéticos podem ser acordados entre o oficiante e os noivos.